Escárnio e bem dizer
terça-feira, outubro 26, 2004
 
Foi apenas um pequeno interregno nas minhas férias. Vou continuar.

A gerência agradece as mensagens e a compreensão.

 
É de ti que sinto a maior falta. Não devia, sabes? Existem pessoas que deveriam ser muito mais importantes. Então porque não são? e tu? porque és?
Não são porque não me vêem. E tu és pelo contrário, porque me vês, porque me respeitas, porque sabes quem sou e gostas de mim assim. E isso, meu amor, é tão raro que tem de ser mantido. Por isso sinto tanto a tua falta. Tanto!


Powered by Blogger