Escárnio e bem dizer
sexta-feira, julho 23, 2004
 
Já sei. Vou ignorar e depois dou a desculpa que estive ocupada e depois se meteu o fim de semana e não tive tempo de aqui vir e pronto

Bolas, eu sou brilhante!


 
Posso sempre meter um post com as sete cores do arco iris e depois dizer:

Ah, não sei quê! era para coiso e tal que eu já estava farta do verde e não sei quê mais...
 
Se calhar não é boa ideia.

 
Bolas, que esta gente está toda a ficar impaciente. E agora? Respondo no blog ou nod comentários?

Blog?
Comentários?
Blog?
Comentários?

 
Pim pam pum cada bola mata um, em cima do piano está um copo com veneno quem bebeu morreu, ficas tu e não eu.

Ok. Blog.

E escrevo o quê?

Bolas que a vida é difícil!

terça-feira, julho 20, 2004
 
O meu amor é Verde, Veeeeeeeeerrrrrrdeeeeeeeee!
 
E agora vou dormir... é mesmo só para não dizerem que desapareci e tal.

segunda-feira, julho 19, 2004
 
Mas no meio de toda esta crise existencial do meu e de outros blogs, descobri, através dos 7000 Nomes,   este blog engraçado de uma "lili"... esta chama-se Rititi.
 
Vão lá ver que vale mesmo a pena.


 
Falando em terminar blogs, um dos meus favoritos foi-se...
 
Acho que a blogosfera se banalizou, mas penso que esse não será o problema. Julgo que quem abriu um blog há um ano mais ou menos se cansou. Isto deixou de ser novidade, deixou de ser engraçado. As pessoas esgotaram o que diziam. Pelo menos eu sinto assim. Não é que a minha vida tenha esgotado nem pouco mais ou menos, mas os meus objectivos com o blog ficaram confusos. Deixei de saber muito bem o que aqui ando a fazer. Passei a não fazer nada de jeito. Os desabafos tornaram-se cada vez menos porque cada vez menos alivia colocá-los aqui. A blogosfera perdeu o seu lado intimista. Aumentaram consideravelmente aqueles que a procuram para "armar confusão"; para aborrecer os outros só porque isso lhes dá prazer. Aumentaram também aqueles que para aqui vêm apenas à procura de notabilidade. Uma notabilidade que não conseguem alcançar "lá fora" e que aqui têm a ilusão de alcançar. Julgo que aparecem cada vez menos as pessoas genuínas, que escrevem sobre sentimentos e emoções verdadeiras e o fazem apenas para elas e por elas e não para mostrar aos outros ou chatear quem lhes aparece pela frente (ou quem vão procurar nos blogs alheios).
Cada vez sinto menos prazer em estar na blogosfera. Talvez seja uma crise como já vi tantas acontecerem por aqui. Isso leva-me a não apagar o blog: Não me quero arrepender depois porque não o recomeçaria se o apagasse. Mas também me leva a cada vez escrever menos, a cada vez sentir menos prazer em fazê-lo e a cada vez escrever mais coisas fúteis e sem interesse. Os sentimentos já não os consigo aqui meter.
 
Comecei este blog numa altura em que tinha as emoções em alvoroço. Escondi-me aqui do mundo lá de fora porque me apetecia esconder em algum lado. Decidi que aqui escreveria coisas do passado e do presente que me incomodavam. Escrevia também medos meus e alheios e frases que me diziam e me faziam pensar ou apenas me deixavam frustrada, sentida ou emocionada. Gostava também de escrever as coisas fúteis, mas essas vinham mais intercaladas.
Agora sinto que este blog já não me serve. Não venho para aqui escrever nada daquilo que sinto porque já não me apetece esconder do mundo lá fora.
Todos temos essas fases de isolamento e foi numa dessas fases que vim para aqui isolar-me.
Ela passou, como passou o sentido da existência do blog. Daí a crise existencial em que ele se encontra...

 
Então e agora já queriam que eu tivesse ido de férias? vá, confessem. Este blog já deu o que tinha a dar. Estou fartinha dele.

 
Está. Então vou continuar as experiências, porque se eles nos metem as coisas aqui é para experimentar.
 
então isto como aparece?
 
E assim?
 
Então e este letrita vai aparecer assim pequenina?
 
E esta grande?
 
Vamos ver.

 
Deixa lá ver se está normal?

 
Ai credo! o que é que eu fiz ao blog? e agora não sei desfazer... aiiiiii!!!!!!!!!!

 
Mas dá para tópicos:
 
  1. -saldkfj e+fp e+of
  2. lskjf wepof
  3. oif w+
  4. powd f+wfw't
Já percebi.
 

E este?

OK.


 
Oh afinal não dá para pôr imagens... só explicam. Que pena!

 
Agora até me podia armar em lili... ;)

 
O que eu me vou divertir com isto!

 
Até posso escolher a cor do texto sem ter de andar a meter coisas em HTML que não entendo nada.
 
Olhem, obrigadinha por isso de andarem a perguntar se eu estava de férias... foi da maneira que aqui vim ver isto. 'Tá giro!

 
Ai que engraçado! o blogger está diferente. Gosto deste tipo de letra que aqui aparece. gosto do novo ordenamento das funções. e até dá para pôr imagens? eia!
 
Posso alinar o texto à direita.
 
Posso meter assim no centro.
 
Posso alinhar à esquerda ou então justificado. Muito bem... 
 
 

 
Não são nada férias! ai! eu já expliquei que este blog já deu o que tinha a dar. Não me apetece escrever. Pronto!


Powered by Blogger